Cubo Mágico

aqui tinha artes, teatro, cultura digital e crônicas contemporâneas

A violenta Parada Gay e duas ‘primeiras vezes’

leave a comment »

É um post egotrip, aviso já, apesar de ter um servicinho no final. Se não quiser, pule para o próximo do feed ou role o cursor.

Duas “primeiras vezes” rolaram neste domingo, 25. Fui assaltado (a 1ª) na Parada Gay de São Paulo (a 2ª). Nunca tinha ido ao maior evento GLBT do mundo, e como neste ano o recorde de público seria batido de novo (como foi – 3,5 milhões de pessoas), encarei. Chamei namorada, amigos. Fiquei pouco tempo porque iria trabalhar logo depois, no meio da tarde. Mas foi tempo suficiente para levarem a carteira da mochila, com míseros R$ 2 em moedas e toda uma vida de documentos. A Parada deste ano foi uma das mais violentas, inclusive com atropelamento e amputação de perna. Nada mais normal em multidões, convenhamos.

O que vale disso tudo é a internet, nossa pastora, que nada nos deiaxará faltar. No domingo mesmo, duas horas depois do furto, estava tudo solicitado – Boletim de Ocorrência, RG, CPF, Carteira de Habilitação, cartões de crédito e débito cancelados, carteirinha do Sesc, carteirinha de estudante da UMES, carteirinha da Amil. Caso algum dia precise, veja como fazer com cada documento:

  • RG – no site do Poupatempo (link direto aqui)
  • CPF – nos Correios ou Banco do Brasil (link direto aqui)
  • BO eletrônico – site da SSP (link direto aqui)
  • Carteira de habilitação – site do Detran (link direto aqui)
  • Banco – por telefone (o Fone Fácil Bradesco é 4002-0022 – mas cuidado, a ligação não é gratuita!)
  • UMES – por e-mail no site (aqui)
  • Sesc – por e-mail no site (aqui)

Bem, a carteira da Colatto, presente da minha irmã, também se foi. Essa eu não achei na internet. = ]

Só uma última observação. Apesar da violência, fiquei impressionado com a quantidade de famílias e casais héteros na Parada. É um carnavalzão fora de época, com a mesma quantidade de pegação da festa de fevereiro em Salvador, por exemplo; normal, portanto, apesar de algumas bizarrices. As palavras são diversidade, convivência, tolerância. Isso eu vi de monte.

[Post relacionado: No fim do ano, o futuro]

Anúncios

Written by Lucas Pretti

maio 26, 2008 às 2:35

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: