Cubo Mágico

aqui tinha artes, teatro, cultura digital e crônicas contemporâneas

Post sobre um escândalo

with 3 comments

sunherald300.jpg

Foi presa hoje nos Estados Unidos uma professora que transou pelo menos três vezes com um aluno de 15 anos. Ela é loira, bonita, jovem, e costumava enviar mensagens de texto após os encontros. “Eu amo você… foi a melhor… estou sensível mas não machucada… você foi bom” teria sido a última, interceptada pela mãe e, logo depois, pela polícia.

A história não parece familiar? É exatamente a mesma do filme Notas sobre um Escândalo. É de impressionar a capacidade da arte de recriar situações reais e nos modificar para sempre. Uma notícia como essa, publicada aqui pelo jornal Sun Herald, passaria despercebida para mim entre as zilhões de todos os dias não fosse o filme. E por melhor que seja a jornalista e a história, nunca se chegará perto de explorar o que a levou a isso, que turbilhão de emoções passou por sua cabeça enquanto transava com o garoto e que implicações anteriores à prisão mexeram com a vida de diversas pessoas.

Já escrevi sobre o filme, neste post com o título “Sobre pedófilos e machistas”, e classifiquei como um dos mais incômodos dos últimos tempos. Se não quiser ler, sem problemas, mas vá assistir ao filme.

Anúncios

Written by Lucas Pretti

janeiro 31, 2008 às 15:30

Publicado em Cinema, Notícias, Sex

3 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. nesse caso (e em outros semelhantes) há uma questão que nunca vejo abordada: até que ponto um cara de 15 anos não “sabia o que estava fazendo”? uma coisa é ter relação com uma criança, outra é com um adolescente — fucinho de porco e tomada não são a mesma coisa. quantos garotos e garotas já são pais aos 15? “mas a questão é a ética profissional, ela é uma professora” — ok, existe mesmo esse debate ético-profissional. mas será que um relacionamento com um adolescente (e não um menino de 10 anos) justifica ser presa??

    João Barreto

    janeiro 31, 2008 at 17:28

  2. Verdade, João, o garoto não devia ser santo – como o do filme também não era.

    Lucas Pretti

    janeiro 31, 2008 at 23:27

  3. […] [Post relacionado: Post sobre um escândalo] […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: